Além das questões relacionadas aos pulmões, a cessação do tabagismo também pode trazer benefícios ​​para o coração


Publicidade

Embora possam ser precisos muitos meses para que os pulmões de um fumador recuperem dos danos causados pelo fumo prolongado, a sua saúde pode melhorar visivelmente nos dias e semanas após a interrupção, podendo fazer a diferença contra o novo coronavírus. Está, portanto, na altura de deixar de fumar.

Pulmões

Se decidir deixar de fumar, os cílios nos pulmões são uma das primeiras partes do seu corpo a recuperar. Os cílios funcionam como uma escova à medida que o ar entra e sai dos pulmões, ajudando a combater constipações e infecções, diz o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças dos EUA, citado pela CNN. Além disso, ajudam a limpar o muco, evitando que este se acumule nos pulmões.



Parar pode reduzir a inflamação

Outro benefício a curto prazo de parar de fumar vem da redução da inflamação do corpo, que pode fazer com que esteja mais vulnerável à Covid-19. "Se parar de fumar, a inflamação crônica desaparece após algumas semanas", disse Brian Christman, porta-voz voluntário da American Lung Association, à CNN.

Parar de fumar ajuda na circulação sanguínea

Além de questões relacionadas aos pulmões, a cessação do tabagismo também pode trazer benefícios  para o coração, que podem ajudar a evitar a possibilidade de paragem cardíaca. Ataques cardíacos são outra causa de morte nos casos Covid-19. Quando deixa de fumar, o seu sangue fica mais fino e menos suscetível à coagulação. Assim, os ataques cardíacos são menos prováveis. Uma razão pela qual isso acontece é porque os fumadores inalam monóxido de carbono e, assim, diminuem a capacidade de transportar oxigênio e dificultam a distribuição do sangue pelo coração.

Com informações de NM