O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) contrariou mais uma vez as recomendações de isolamento social e participou de uma manifestação em frente ao Quartel Geral do Exército, em Brasília, na tarde deste domingo (19). Ele subiu em uma caminhonete para agradecer seus apoiadores que se aglomeravam no local. As informações são do jornal Correio Braziliense.

Publicidade

“Eu estou aqui porque acredito em vocês. Vocês estão porque acreditam no Brasil. Não queremos negociar nada. Queremos uma ação pelo Brasil. O que tinha de velho ficou para trás. Temos um novo Brasil pela frente. Todos sem exceção, têm que ser patriota e acreditar e fazer sua parte para que possamos colocar o Brasil no lugar de destaque que ele merece”, afirmou Bolsonaro.

O grupo vestindo verde e amarelo e erguendo a bandeira do Brasil pedia pela intervenção militar e carregavam cartazes pedindo volta do AI-5, decreto mais duro da ditadura militar.



Os manifestantes também são a favor do isolamento vertical, que restringe a circulação apenas de grupos mais vulneráveis, como idosos e pessoas com comorbidades. Vários idosos também estavam presentes na manifestação, onde a maioria não usava nenhum tipo de proteção individual.



Com informações de Isto É