Spray nasal reduz risco de morte por covid-19

Um novo tratamento com remédio à base de spray com interferon beta pode reduzir em números extremos as mortes ou necessidade de cuidados intensivos por infecções de coronavírus, informam dados preliminares relatados nessa segunda-feira por uma companhia de biotecnologia do Reino Unido.                        

No ensaio clínico feito com cem pacientes hospitalizados por Covid-19, os voluntários que receberam um spray nasal da proteína interferon beta reduziram o risco de desenvolver sintomas graves em 79% comparando com o grupo de placebo.

Os voluntários também duplicaram as chances de total recuperação na comparação com o grupo de controle.

Eles também tinham duas vezes mais chances de obter uma recuperação completa em comparação com o grupo controle.                        

De acordo com a empresa, que chamou o medicamento de SNG001, estes resultados iniciais inspiram um “grande avanço” no combate ao coronavírus.            

“Estamos todos satisfeitos com os resultados dos testes anunciados hoje, que mostraram que o SNG001 reduziu bastante o número de pacientes COVID-19 hospitalizados que necessitaram de oxigênio ou respiradores.”     

Spray nasal de interferon beta contra covid-19 (coronavirus) pode ser esperança no tratamento

Deve ser considerado que o artigo com os dados publicados nesta segunda-feira ainda não passaram pela revisão por pares e o tamanho da amostra é pequeno, relativamente falando. Mas, após futura confirmação em estudos maiores, o medicamento tem capacidade de revolucionar o tratamento ao Covid-19.                   

O interferon beta é uma molécula natural no corpo humano e costuma ser usada para tratamento de esclerose múltipla. É parte do sistema imune no combate a infecções mas o coronavírus reduz a produção da proteína para amenizar a resposta do corpo.       

Ao inalar o medicamento faz com que ele seja entregue diretamente aos pulmões de pacientes com Covid-19 e tem o propósito de iniciar uma forte resposta imunológica contra o coronavírus em pacientes, até mesmo naqueles que já foram imunocomprometidos pelo vírus.            

“Os resultados confirmam nossa crença de que o interferon beta … tem um enorme potencial como droga inalada para restaurar a resposta imune do pulmão.”

Tom Wilkinson, médico e professor de medicina respiratória da Universidade de Southampton (Reino Unido)                                         

Segundo Wilkinson o ensaio clínico evidenciou que o SNG001 teve eficácia na melhora da proteção, na aceleração da recuperação e no combate ao impacto do vírus SARS-CoV-2.

No momento, há alguns tratamentos disponíveis para pacientes que com COVID-19. Mês passado, pesquisadores do Reino Unido descobriramuma redução significativa em mortes de pacientes graves com Covid-19 tratados com o corticoide dexametasona amplamente disponível. E inúmeros países também tem usado o remdesivir antiviral no combate ao vírus. [Medical XPress]         

Com informações de Hypescience