Pesquisa exclusiva mostra as marcas que mais conseguiram conquistar o coração dos consumidores no Brasil – e traduziram isso em receitas

Nenhuma estratégia de marca planejada para 2020 pôde ser plenamente executada. Em meados do ano passado, quando os executivos de empresas de diferentes setores colocaram suas ideias no papel, ninguém poderia prever a pandemia do novo coronavírus e um período tão atípico e turbulento. O desafio foi se desdobrar para fornecer produtos e serviços relevantes, cuidar dos funcionários e clientes e da saúde financeira da empresa. Quem conseguiu uma boa execução, consequentemente, agregou valor à marca. Um exemplo é o banco Itaú, que fez uma doação de 1 bilhão de reais ao projeto Todos Pela Saúde, administrado por um grupo de especialistas liderado pelo médico Paulo Chapchap, diretor-geral do Hospital Sírio-Libanês. A instituição também flexibilizou o pagamento de empréstimos de clientes no montante de cerca de 52 bilhões de reais. “Nossa estratégia durante a pandemia se assentou em dois pilares: ser uma marca cidadã e ser uma marca parceira. Mais do que nunca, entendemos que deveríamos colocar em prática a mensagem ‘Feito para você’ ”, diz Eduardo Tracanella, diretor de marketing institucional e atacado do Itaú, referindo-se ao lema que estampa as campanhas de marketing do banco.

Com ações como essas, o Itaú se mantém há quatro anos como a marca mais valiosa do Brasil, segundo um levantamento da consultoria inglesa Brand Finance, especializada em avaliação de marcas — até então, o topo da lista era ocupado pela Petrobras. O ranking de 2020, obtido com exclusividade pela — EXAME, mostra que a marca Itaú está avaliada em 6,8 bilhões de dólares. Na sequência, outras três instituições financeiras ocupam as posições de marcas mais valiosas do país: Bradesco (6,7 bilhões), Caixa (4,8 bilhões) e Banco do Brasil (4,6 bilhões). A Petrobras, que nos últimos anos se viu envolvida no centro de um esquema de propinas, descoberto na Operação Lava-Jato, ocupa o quinto lugar entre as marcas mais valiosas do país (3,7 bilhões).




AS 50 MARCAS MAIS VALIOSAS DO BRASIL