Quinteto da Paraíba – 31 anos de Música, Alegria e Encantamento

O Quinteto da Paraíba, grupo criado e residente há três décadas no Departamento de Música do CCTA/UFPB, é hoje um dos mais renomados grupos de música de câmara do Brasil. Trafegando com versatilidade entre a música de concerto e a música popular, o Quinteto da Paraíba tem 6 CDs gravados (Armorial & Piazzolla, Música Armorial, Capiba & Gonzagão, A Pedra do Reino, Nau Capitânia de Itamaracá e Ao Vivo em New York), outros CDs completos ou em parceria com diversos intérpretes e compositores (Xangai, Chico César, Lenine, Sivuca, Virgínea Rosa, Toninho Ferragutti, Antônio Nóbrega), além de participações em CDs, DVDs, trilhas sonoras de filmes (Central do Brasil, Gonzaga: De Pai pra Filho, Por 30 Dinheiros, Death Letters), shows, concertos e turnês no Brasil e no exterior. O Grupo que é formado por renomados Instrumentistas da Paraíba e foi apresentado pelo selo Kuarup (1995) como: “Uma das melhores surpresas instrumentais do Brasil nos últimos anos, um quinteto de cordas com técnica de música de câmara e suingue de música popular”.

O Quinteto da Paraíba surgiu com a proposta de divulgar a obra de compositores brasileiros, mas é no Nordeste do Brasil que encontra sua mais pura inspiração. Embaixador desta rica vertente musical, o grupo que é considerado o responsável pelo resgate do Movimento Armorial conquistou méritos da crítica especializada nacional e internacional. A conceituadíssima revista The Strad de Londres, enalteceu os valores do Quinteto da Paraíba em matéria especial, assim como as revistas Gramophone, Classic FM Magazine, Repertoire e Diápason, brindaram o grupo com elogiosas críticas.


No Brasil, o Quinteto se tornou conhecido do grande público por constantes aparições nas TVs Cultura, Educativa, Senac, Senado e Globo, em Concertos, Workshops e programas ao vivo, assim como pela sua participação nos mais importantes festivais de música do pais. Em 2007 o Quinteto se apresentou junto do cantor e compositor Chico César na abertura dos Jogos Pan-Americanos, no Estádio do Maracanã no Rio de Janeiro. O Quinteto da Paraíba já se apresentou na América do Sul (Chile, Argentina) e Europa (Áustria, Bélgica, França, Espanha, Itália, Holanda e Portugal). O Quinteto em 2008 gravou a faixa Martelo Bigorna no CD Labiata do cantor e compositor Lenine, com arranjo de Xisto Medeiros, que foi incluída na trilha da novela O Caminho das Índias da Rede Globo e ganhou o Grammy Latino de 2009. Iniciou, em 2016, o projeto Quinteto Convida. A ideia do projeto é receber cantores e/ou instrumentistas para dividir o palco com o Quinteto da Paraíba, revisitando suas obras ou homenageando outros artistas. Em outubro de 2016, recebeu o cantador Xangai. Em 2017, aconteceram os encontros com Carlos Malta, em janeiro; com o maestro Nelson Ayres, em março; com Toninho Ferragutti, em junho; com Zeca Baleiro, em agosto (comemorando os seus 20 anos de carreira fonográfica); com o Duofel, em outubro; e com a cantora Mônica Salmaso, e a participação especial de Nelson Ayres, em dezembro. Em 2018, a programação teve início com o maestro Spok, em fevereiro; com Jessier Quirino, em abril; com Marcelo Jeneci, em junho; com Carol Panesi & Marco César, em agosto; com Escurinho & Totonho, em outubro; com Ceumar, Duo Sánches/Galiana & Spok, em dezembro. Em Janeiro de 2019, ano em que o grupo comemorou 30 anos de sua criação, o Quinteto realizou, à convite da prestigiosa Syracuse University, New York/EUA, residência artística, com atividades de masterclasses, workshops e concertos, incluindo a gravação de áudio e transmissão ao vivo do Setnor Auditorium Crouse College daquela universidade. Em fevereiro de 2019, o projeto teve seu encerramento com a reapresentação do show com a cantora Mônica Salmaso, com participação do maestro Nelson Ayres.


Especial
Quinteto da Paraíba
31 anos de Música, Alegria e Encantamento
Data: 07/09/2020
Participação especial de Fernando Teixeira, Lucy Alves, Xangai, Mônica Salmaso, Daniel Pina, Nelson Campos, Socorro Lira, Seu Pereira, Escurinho, Totonho, Jessier Quirino, Marcelo Jeneci e Acilino Madeira.

Transmissão pelo canal do Quinteto da Paraíba no Youtube: youtube/quintetodaparaiba

Com informações de Agendaculturalbrasilia