Basílica de Aparecida pode receber nesta segunda (12/10) seis mil pessoas simultaneamente

As comemorações do dia de Nossa Senhora Aparecida no santuário nacional dedicado à santa, em Aparecida (SP), está com regras diferentes em 2020. Por causa da pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, as missas são transmitidas pela internet e o movimento de pessoas na basílica é menor.


A principal missa do dia acontece às 9h e será presidida pelo arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes. Também estão previstas missas às 7h, 12h e 18h.

A basílica irá permitir visitas a espaços que costumam atrair muitos devotos, como a passagem pela Imagem da Santa no nicho, Capela das Velas e Sala das Promessas.



Um dos pontos mais movimentados do santuário em dias comuns, a Passarela da Fé, tem pouco movimento nesta segunda-feira (12/10). Somente 50 pessoas por vez poderão permanecer no ponto.

O nicho, onde fica a imagem de Nossa Senhora Aparecida, é um dos locais mais procurados pelos fiéis. Contudo, para visitar o espaço é preciso usar máscara, medir a temperatura e evitar aglomerações.

Quando atingir a ocupação de duas mil vagas no estacionamento, os portões de entrada serão fechados até que parte desse público saia. Ônibus estão proibidos de entrar no estacionamento.

A Basílica de Aparecida pode receber seis mil pessoas simultaneamente. Segundo decreto municipal, o templo pode disponibilizar 35% das vagas para veículos, o equivalente a duas mil vagas, em um total de seis mil pessoas no complexo.

Com informações de Isto É