O presidente da Organização Não-Governamental Adota Patos, Rafael Gomes, comunicou no início da tarde desta sexta-feira, dia 18, que o Canil Municipal de Patos está com ração para cães e gatos apenas para mais um dia de alimentação para os animais confinados no local.

Rafael disse que no Canil Municipal de Patos estão cerca de 300 cães e em média 130 gatos. O local é de responsabilidade da Prefeitura Municipal de Patos, porém, a ONG foi comunicada que não terá ração para ser reposta nos próximos dias. O presidente se mostrou indignado com o informe.


Os membros da ONG Adota Patos estão temerosos com o que pode vir a acontecer diante da falta de ração. Em outro período, os cães famintos brigaram entre si e uns foram devorados por outros. Cenas macabras foram registrada e Rafael Gomes enviou para a redação, porém, não iremos expor.

Em trecho de relato do presidente da ONG Adota Patos podemos ler: Eu diria que quase tudo nessa vida pode esperar, mas a fome espera? É justo fazer isso com seres que nem sequer tem a condição de reclamar? E a lei de maus tratos vai ser rasgada pelo próprio ente público que deveria proteger e garantir o mínimo? Enfim senhores responsáveis pela ração desses inocentes que nada tem a ver com a ganância e a falta de humanidade de vocês, tenham compaixão e saibam que Deus tudo anota no livro da vida e um dia os senhores irão prestar contas de seus atos….estamos bastante preocupados, já que a ração só dá pra mais um dia…”.

Em contato com o prefeito interino Ivanes Lacerda sobre a revelação do presidente da ONG Adota Patos, a reportagem foi informada que já foi determinado o pagamento de cerda de R$ 9.000,00 de rações adquiridas e assinou a autorização para compra de mais. Ivanes disse que está assinando um projeto junto ao Deputado Federal Hugo Mota para compra de um veículo especial para castração de animais de rua no valor de R$ 848.000,00.


Por Jozivan Antero – Patosonline.com