Uma aeronave do modelo Learjet 31A de matrícula PP-BBV e pertencente à frota da Brasil Vida Taxi Aéreo varou a pista na manhã desse sábado, 2 de janeiro, no aeroporto de Diamantina, em Minas Gerais – a cerca de 300 quilômetros de Belo Horizonte. Segundo informações do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais (CBMMG), a aeronave saiu de São Paulo e era um avião-UTI, que seria usado para remover um paciente de Covid-19.

O avião aeromédico saiu da pista no momento do pouso e estavam a bordo os pilotos, uma médica e um enfermeiro, que tiveram ferimentos leves. Os Bombeiros que prestam apoio ao aeroporto rapidamente acessaram o local e controlaram a situação, evitando que houvesse um incêndio.





Após o acidente, no entanto, o jato ainda emitia um alto barulho, como se pode observar em vídeos feitos no local, uma vez que os motores ainda estavam ligados quando a aeronave varou a pista. Informações dão conta de que os motores apenas pararam quando o combustível da aeronave acabou.


O acidente ainda será apurado pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) e, portanto, não há ainda informações sobre as causas. Uma consulta da Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB) mostra que a aeronave está com certificado em dia.



Com informações de Aeroin