Imagem: Getty

Produtor faleceu por complicações de Covid-19, informou site

Phil Spector, renomado produtor norte-americano que trabalhou com Beatles, John Lennon, Ramones, entre outros, morreu neste sábado, 16, aos 81 anos, vítima de complicações de Covid-19, informou o site TMZ. 

Acusado de ter assassinado a atriz Lana Clarkson em 2003,  Phil Spector foi condenado em 2009 e, desde então, cumpria sentença de 19 anos na prisão. Há 4 semanas ele foi diagnosticado com Covid-19 e transferido da penitenciária para o hospital, local onde faleceu.

A causa oficial da morte será determinada pelo legista, disse um comunicado do Departamento de Correções e Reabilitação da Califórnia, EUA.


Como produtor musical, Spector foi um dos mais requisitados por grandes artistas do rock nas décadas de 1970 e 1980. Produziu o último álbum dos Beatles, Let It Be, de 1970, e co-produziu os clássicos de John Lennon, Imagine, de 1971, e Rock N' Roll, de 1975. All Things Must Pass, de George Harrison, de 1970, também foi co-produzido por ele.

O produtor ainda trabalhou com os Ramones no álbum End of The Century, de 1980, quando os pais do punk rock quiseram transitar por uma vertente mais pop. 

A história do julgamento de Phil Spector foi contada no longa Phil Spector, da HBO, em 2013. Al Pacino interpretou o produtor. 

Com informações da Revista Rolling Stone