Papa Francisco foi vacinado contra a Covid-19 no VaticanO Papa Francisco, de 84 anos, recebeu a vacina contra a Covid-19 nesta quarta-feira (13), no primeiro dia da campanha de vacinação organizada no Vaticano, informaram fontes da imprensa próximas ao pontífice argentino.

O papa foi vacinado “em um setor do átrio do Salão Paulo VI, especialmente preparado” para a aplicação das vacinas, garantiram o jornal argentino La Nación e a revista jesuíta American Jesuit Review America.

O porta-voz do Vaticano, Matteo Bruni, confirmou o início da campanha de vacinação para os quase 5.000 residentes e funcionários do Vaticano.


O pontífice “recebeu a vacina da Pfizer/BioNTech e foi um dos primeiros a ser imunizado”, reportou o jornal argentino.

Francisco recebeu a primeira dose da vacina e, em três semanas, receberá a segunda, como prevê o imunizante para a covid-19. Nenhuma foto foi divulgada até agora.

Vários prelados, bispos e cardeais contraíram o vírus nos últimos meses, incluindo o cardeal Crescenzio Sepe, arcebispo de Nápoles, que cumpre isolamento após testar positivo para a doença.

Francisco cancelou todas as suas viagens ao exterior desde o início da pandemia em março de 2020 e questionou a celebração de sua visita ao Iraque, marcada para os próximos 5 a 8 de março.

O Papa emérito Bento XVI, 93 anos, aposentado em um mosteiro dentro do Vaticano, também está entre os primeiros vacinados, segundo seu secretário particular, o arcebispo Georg Gänswein.

Com informações de Isto É