O juiz paraibano Bartolomeu Correia Lima Filho encontrou uma forma pouco convencional de comemorar a aposentadoria. Ao tomar conhecimento que tinha sido aprovado seu pedido para aposentar-se por invalidez ele decidiu gravar um vídeo mergulhando no mar. Detalhe: o magistrado pulou na água de terno e gravata. Antes,

“Bem colegas, hoje é o dia da minha partida. Nesta data, saiu minha aposentadoria por invalidez. Embora eu continuasse no exercício da atividade judicante, mas minha saúde assim não permite”, disse Bartolomeu acrescentando que deseja ficar mais tempo com a família. “Acredito que o que eu podia fazer pela magistratura, eu fiz”.


Depois, ele afirma que vai fazer o que todo colega gostaria “no momento do desespero, da labuta, quanto as partes estão se digladiando. Tenho certeza que essa imagem vai ficar guardada na memória de todos vocês”.


Bartolomeu iniciou a carreira como delegado da Polícia Civil da Paraíba assumindo a titularidade da Delegacia de Entorpecentes, em seguida a de Homicídios. Depois de concurso de provas e títulos, foi aprovado como juiz, inicialmente na Comarca de Teixeira em maio de 1996. Foi também titular da 1ª Vara do Júri Popular da comarca de Campina Grande.

Com informações de Parlamentopb