Perdeu força a possibilidade de o deputado paraibano Hugo Motta assumir o Ministério da Cidadania.

A direção do seu partido (Republicanos) entendeu que a legenda não deve abrir mão de um parlamentar no plenário da Câmara Federal, uma vez que a suplência de Hugo não pertence aos quadros do REP.


*com informações da coluna Aparte, assinada pelo jornalista Arimatéa Souza para o Paraibaonline