Foto: Getty Imagens

O tratamento para combater o excesso de líquidos no corpo pode ser feito de forma natural ao se ingerir mais água ou chás diuréticos

A retenção de líquidos é comum nas mulheres e contribui para a barriga inchada e a celulite, no entanto também pode ser mais grave e causar pernas e pés inchados. As alterações hormonais, o sedentarismo, o consumo de sal e de produtos industrializados em excesso estão entre as causas mais comuns do problema.

O acúmulo de líquidos no corpo causa é facilmente percebido pelo aumento do volume abdominal, do rosto e, principalmente, das pernas, tornozelos e pés.


Pressionar com o polegar durante 30 segundos a região próxima dos tornozelos e depois observar se a região ficou marcada é uma forma fácil de descobrir se está havendo retenção de líquidos. A marca da meia no tornozelo ou da roupa apertada na cintura também servem de parâmetro.

O tratamento para combater a retenção de líquidos pode ser feito de forma natural ao se ingerir mais água, chás diuréticos e adotar uma rotina de exercícios físicos. No entanto, quando o problema é grave ou causado por doenças renais ou cardíacas, pode ser necessário tomar remédios prescritos por um médico.

Veja o que fazer para desinchar:

1. Tomar chás diuréticos

Os chás diuréticos são excelentes para combater a retenção de líquidos e as melhores opções são:

- Cavalinha,

- Hibisco;

- Canela com gengibre;

- Chá-Verde;

- Ginkgo biloba;

- Salsinha;

- Centelha asiática;

- Castanha da índia.

Qualquer chá tem efeito diurético porque, basicamente, quanto mais água a pessoa ingere, mais urina ela produz. A urina estará repleta de toxinas e irá levar também o excesso de líquidos do corpo. No entanto, certas plantas aumentam esse efeito diurético dos chás.

2. Fazer exercício físico

Praticar exercícios também é uma excelente forma natural de desinchar o corpo, o que contribui para o emagrecimento. A contração de grandes grupos musculares como braços, pernas e glúteos força o excesso de líquidos a ser eliminado através da urina.

Alguns exercícios que podem ser indicados são caminhada rápida, corrida, andar de bicicleta e pular corda. Os exercícios localizados não são tão benéficos quanto estes, mas podem ser uma opção.

3. Cuidados diários

Os cuidados importantes para eliminar a retenção de líquidos são:

- Beber água, cerca de 2 litros por dia, ou chá, como o chá de cavalinha;

- Substituir o sal para preparar ou temperar alimentos por ervas aromáticas, como salsinha ou orégano;

- Aumentar o consumo de alimentos diuréticos, como melancia, pepino ou tomate;

- Evitar alimentos enlatados, embutidos ou que tenham muito sal;

- Evitar ficar muito tempo de pé, sentado ou com as pernas cruzadas;

- Ingerir alimentos ricos em água, como rabanete, nabo, couve-flor, melancia, morango, melão, abacaxi, maçã ou cenoura;

- Comer alimentos como folhas de beterraba cozida, abacate, iogurte desnatado, suco de laranja ou banana porque são ricos em potássio, que ajudam a eliminar o sal do organismo;

- Colocar as pernas para o alto no final do dia;

- Espremer 1 limão em 1 litro de água e ir tomando ao longo do dia.

4. Fazer drenagem linfática

A drenagem linfática é uma ótima estratégia para eliminar o excesso de líquidos do corpo. Ela pode ser feita de forma manual, alternado uma massagem suave com movimentos bem marcados ou pode ser realizada com equipamentos eletrônicos próprios, neste caso ela é chamada de pressoterapia.

Se essas soluções não ajudarem e o quadro continuar, é recomendado que se procure um médico pois o sintoma pode estar relacionado a algum outro problema de saúde.

Com informações do portal Tua Saúde