Patos – PB, 15 de junho de 2021

 À Pastoral da Pessoa Idosa da Província da Paraíba Saudação às coordenadoras Estadual, Diocesanas e paroquiais “É Tempo de cuidar” A realidade que atualmente nos atinge deixa um rastro de sofrimento, de perdas e dores em muitas famílias.




As pessoas idosas naturalmente sofrem muito, pois mesmo sem serem atingidas pela enfermidade ou já estando imunizadas, sentem a ausência dos familiares, dos amigos que morreram ou se distanciaram em nome da prevenção e do cuidado para com as pessoas que amam. Além desta realidade de pandemia é possível constatar outras situações que causam sofrimentos e dores nas pessoa idosas; temos consciência dos maus tratos físicos, morais e espirituais sofridos pelos idosos; muitos são explorados financeiramente quando dispõem de um benefício de aposentadoria que deveria ser destinado integralmente aos seus cuidados para uma vida digna; é entristecedor saber que além das violências do sistema de exclusão e de descarte por parte do sistema político -social, há a violência dentro de casa. Sei que o tema é complexo e exige muitas análises que favoreçam encaminhamentos de políticas públicas voltadas para a vida e a dignidade da pessoa idosa. Louvemos a Deus pela iniciativa da ONU que em 2006 instituiu o dia 15 de junho como DIA MUNDIAL DA CONSCIENTIZAÇAO DA VIOLÊNCIA CONTRA A PESSOA IDOSA, com o objetivo de mobilizar o mundo no enfrentamento de uma situação que jamais deverá ser considerada normal. Louvemos a Deus pela CNBB que em 2004 criou a pastoral da pessoa idosa (PPI) que acompanha a pessoas idosas por meio de visitas domiciliares realizadas por voluntários e voluntárias que residem em suas comunidades e que no Brasil já são 27.123 voluntários acompanhando 148.790 famílias de 6.317 comunidades pertencentes a 1.826 paróquias de 219 dioceses distribuídas em 1081 municípios brasileiros - estes dados de 2019 quando celebramos 15 anos da PPI no Brasil. A Pandemia interrompeu muitas ações, mas não terá a última palavra ,pois a missão de cuidar de nossos irmãos e irmãs idosos continua animada pelo evangelho de Jesus que diz para que veio: ”Eu vim para que todos tenham vida e a tenham em abundância”; como discípulos e discípulas do mestre sigamos com o mesmo programa de vida. Aproveito para agradecer às coordenações da PPI – nacional, estadual , diocesanas e paroquiais – reconhecendo e incentivando sempre mais este belo serviço à vida; Que possam ser sempre mais instrumentos que promovam na sociedade políticas públicas que contemplem a realidade das pessoa idosas gerando a superação da violência que as atinge em todos os espaços da sociedade e até mesmo na família. Parabéns a todos e a todas pela dedicação, pela gratuidade e pelo amor com que servem e cuidam da vida. 

Abraços fraternos e contem com a minha prece de irmão em Cristo Jesus. 

Dom Eraldo Bispo da Silva 
Bispo de Patos e referencial da PPI na Paraíba