A Polícia Federal cumpriu dois mandados de busca e apreensão na manhã desta terça-feira, 24, sendo um deles na Prefeitura Municipal de Gado Bravo e o outro em uma empresa de comunicação com sede em Campina Grande. Os mandados foram expedidos pelo juízo da 49ª Zona Eleitoral de Queimadas.


A ação foi para colher provas de possíveis crimes envolvendo abuso de poder econômico, e possível uso indevido de recursos públicos para custear despesas de campanha, relacionados às eleições suplementares a serem realizadas em Gado Bravo/PB, no próximo dia 12 de setembro de 2021.

Não será concedida entrevista.


Com informações de Parlamentopb