Jornalista vai participar do quadro ‘Liberdade de Opinião’

Aos 80 anos de idade, Boris Casoy prepara-se para voltar a atuar no telejornalismo diário. O jornalista é o mais novo contratado da CNN Brasil, onde atuará como comentarista. O acerto foi divulgado pela colunista Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo, e posteriormente confirmada pela equipe de comunicação da emissora.

Na CNN, Boris assumirá a função que foi desempenhada até setembro por Alexandre Garcia, demitido após defender a adoção do chamado tratamento precoce contra a Covid-19. Ou seja: o comunicador octogenário participará do ‘Liberdade de Opinião’, quadro exibido de segunda a sexta-feira no ‘Novo Dia’, que vai ao ar das 6h às 11h.

Publicidade

Com a contratação de Boris Casoy, a CNN Brasil voltará a ter, a partir de janeiro de 2022, dupla fixa para o quadro ‘Liberdade de Opinião’. Por ora, o formato conta apenas com a participação de Fernando Molica — que do estúdio do canal no Rio de Janeiro “duelava” nas análises sobre temas políticos e econômicos com Alexandre Garcia.

Boris Casoy além da CNN Brasil

A CNN Brasil será mais uma emissora televisiva a constar no currículo do experiente jornalista. De 1988 a 1997, Boris Casoy foi âncora do SBT — e ficou famoso pelo bordão “isso é uma vergonha”. Depois, passou por Record TV, Band e RedeTV, de onde se desligou no meio do ano passado.

Antes da TV, o mais novo contratado da CNN fez carreira na mídia impressa. Na Folha de S. Paulo, ele criou a coluna ‘Painel’, que segue ativa até hoje tendo como marca a publicação de notas exclusivas relacionadas aos bastidores do poder. Ainda na Folha, veículo em que trabalhou por décadas, atuou como editor de política, colunista, editor-chefe e diretor de redação (cargo que assumiu quando tinha 36 anos de idade).

Ex-locutor esportivo e futuro veterinário

A vida profissional de Boris conta, ainda, com algumas curiosidades. Antes de se destacar na redação da Folha de S. Paulo na editoria de política, ele chegou a trabalhar como narrador esportivo e foi locutor da rádio Eldorado. Isso quando tina 15 anos. Agora, aos 80, o jornalista dedica-se aos estudos, pois iniciou a graduação em medicina veterinária.

A curiosidade sobre este tema nunca me abandonou, e agora achei tempo para mergulhar no mistério da vida animal

“A vida me conduziu por outros caminhos e abracei o jornalismo, que eu adoro. Sempre quis estudar veterinária, porque gosto de animais. A curiosidade sobre este tema nunca me abandonou, e agora achei tempo para mergulhar no mistério da vida animal”, disse o comunicador ao ingressar na faculdade de medicina veterinária, em agosto.

Fora o curso universitário, Boris Casoy deverá conciliar seu trabalho na CNN Brasil com as suas atividades como youtuber. Na plataforma de vídeos, ele apresenta o ‘Jornal do Boris’, que conta com novas edições de segunda a sexta-feira. Em agosto, o canal editado pelo jornalista na rede alcançou a marca de 100 mil inscritos e, assim, fortaleceu o status dele como influenciador digital.



Com informações de Comunique-se