Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) têm até junho de 2022 para fazer a prova de vida. O INSS publicou uma portaria, nesta terça-feira (28), que estende os prazos para quem não fez a comprovação entre 2020 e 2021.

Quem não comprovou vida até dezembro de 2020 tem até fevereiro de 2022 para fazer a prova. Quem tinha que provar vida entre janeiro e junho deste ano tem até março para fazer a comprovação. Veja os novos prazos no quadro abaixo.

Publicidade

Em 2022, o segurado deverá fazer a prova de vida no mês de aniversário. Os bloqueios de quem não fizer a comprovação começarão em julho de 2022, informou o INSS.

A prova de vida é obrigatória para aposentados, pensionistas e quem recebe benefícios do INSS. A comprovação evita fraudes e assegura o benefício.

“O documento também passa o início dos bloqueios da comprovação de vida do mês do aniversário do beneficiário para o mês de julho e autoriza as instituições financeiras responsáveis pelo pagamento a realizar a prova de vida no mês anterior ao mês de aniversário do titular do benefício”, diz nota do INSS.

O segurado que perder o prazo da prova de vida terá o benefício suspenso. A comprovação pode ser feita no banco onde é feito o pagamento do benefício, inclusive no caixa eletrônico.

Pessoas com dificuldades de locomoção podem ligar no telefone 135 ou acessar o site Meu INSS para agendar a prova de vida em casa. Nesse caso, um funcionário do INSS irá até à residência do segurado.

Confira os novos prazos para realização da prova de vida do INSS:


Com informações de Isto É